O projeto

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Baixe aqui o projeto completo em PDF

SEMANAS MISSIONÁRIAS 2012

INTRODUÇÃO    

“Eu derramo sobre vós uma nova unção do meu Espírito. Eu vos liberto do desânimo, da frieza espiritual e lhes dou uma nova unção do meu Espírito. Eu faço arder em vossos corações o espírito missionário. Eu renovo a alegria e o amor em vossos grupos de oração. E vos chamo para um tempo novo. Portas novas de missão se abrirão para vós, desde que sejais dóceis ao meu Espírito. Eu inauguro no meio de vós, a partir deste momento, um tempo novo, um tempo de bênção, um tempo de graça, onde o meu Espírito se moverá com poder para renovar a face da terra.” (Moção Profética 2007).

Se fizéssemos agora uma análise do ano de 2011 na RCC do Brasil, certamente diríamos que experimentamos a generosidade de Deus. Olhando, por exemplo, somente para a nova dinâmica impressa nos congressos estaduais percebemos nitidamente a ação do Espírito Santo no nosso meio através de tais eventos.

Neles foi possível trabalhar formações, orações e vivência fraterna, partilhar as Moções Proféticas com as lideranças da Renovação Carismática Católica (de cada estado e assim, atualizar os direcionamentos e reforçar a unidade do Movimento, além de comunicar a visão organizacional e profética da RCC.

Todo esse mover de Deus também proporcionou o fortalecimento da nossa identidade carismática. Os encontros estaduais foram oportunidades de conhecermos mais sobre os sinais do Espírito na história do Movimento e com isso, entender melhor quem somos e qual é o chamado de Deus para nós. E tudo isso sob um tema comum: “Por causa da Tua Palavra lançaremos as redes” (Lc 5,5). Essencialmente missionário.
Jesus nos convidou a jogar as redes. Nossa resposta foi muito tímida. As iniciativas missionárias que surgiram ficaram restritas a ministérios ou lugares específicos, quando, na verdade, o apelo se estendia a todo âmbito nacional.  
Em 2012, queremos responder com mais entusiasmo a esse chamado. Se os frutos comprovam que a semeadura vale à pena, porque não nos organizarmos para atingirmos todas as nossas dioceses?
Agora, estamos sob o rhema “Apascentai as minhas ovelhas” (Jo 21,17) que nos instiga a um duplo cuidado: ir às ovelhas e pastoreá-las. O “ide” permanece, não se esgota, pois a Igreja é missionária, é sua tarefa prioritária o anúncio da Boa Nova. Velar por aqueles que o Senhor confiar a nós, deve ser consequência natural de quem ousa anunciar ou lançar as redes.

O QUE SÃO AS SEMANAS MISSIONÁRIAS?
As semanas são uma grande mobilização missionária que envolverá toda a Renovação Carismática Católica do Brasil. Aspirando que cada diocese realize pelo menos uma semana de missão no segundo semestre de 2012, queremos nos movimentar em torno do que nos é próprio e fazemos com alegria: levar as pessoas a ouvirem o anúncio querigmático por meio do serviço de visitação e a experimentarem a graça do Batismo no Espírito Santo através das noites carismáticas realizadas ao final das visitas.

Contando com estrutura mínima e com os membros dos nossos Grupos de Oração (para as visitas, animar as noites de oração, pregar, acolher os novos) podemos, em todas as instâncias da RCC, desencadear um novo despertar e impulso missionário, levando o Evangelho a mais pessoas.

Iniciando, a partir disto, um processo contínuo de missão, tendo ações missionárias como atividade permanente nos calendários diocesanos e/ou de Grupos de Oração. Assim, respondemos também ao convite incessante de Jesus, que ecoa em toda a Igreja: “Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda a criatura” (Mc 16,15).

FUNDAMENTAÇÃO
Este projeto fundamenta-se em três principais recentes documentos da Igreja:  Documento de Aparecida, Missão Continental (CNBB DOC. 88) e Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora 2011 – 2015 (CNBB DOC. 94). Tais documentos convocam a Igreja a despertar para um grande impulso missionário e um estado permanente de missão. Orientam:
•    Desinstalar-se do comodismo/Abandonar estruturas ultrapassadas;
•    Ir ao encontro do outro;
•    Passar de uma pastoral de conservação para uma pastoral missionária;
•    Novo compromisso com a missão ad gentes;
•    Recuperar valor e audácia apostólicos;

OBJETIVO DAS SEMANAS MISSIONÁRIAS
Mobilizar a RCC em todo Brasil, a partir de seus Grupos de Oração, despertando o ardor missionário em seus membros, de modo que se realize uma revitalização tanto em seus Grupos como em seus líderes. Abrir-se ao impulso do Espírito Santo despertando nas comunidades, Grupos de Oração e em cada batizado, o processo de conversão pessoal e pastoral ao estado permanente de missão para a vida plena a partir das semanas missionárias. (Adaptado a partir do Projeto nacional de Evangelização – O Brasil na Missão Continental – Doc. 88 CNBB).

OBJETIVOS ESPECÍFICOS
1.    Mobilizar a RCC para missão;
2.     Tornar os Grupos de Oração verdadeiros lugares de Pentecostes e Pastoreio;
3.    Revitalizar os Grupos de Oração que perderam o chamado missionário – estado permanente de missão;
3.    Despertar e reavivar nos Grupos de Oração o ardor missionário;
4.    Formar discípulos missionários;
5.    Incentivar os membros do Movimento a participarem de forma efetiva na construção da Sede Nacional da RCC.

ESTRUTURA DO PROJETO
Divide-se em três fases:
1.    Pré-Missão (1º semestre/2012): constituir equipes, articular dioceses, formar missionários, planejar a missão (confeccionar planfetos, escolher local, separar missionários, distribuir responsabilidades da noite carismática);
2.    Missão (2º semestre/2012): visitar levando anúncio querigmático e realizar noites carismáticas;
3.    Pós-missão: realizar um Seminário de Vida e Experiência de Oração onde aconteceu a Semana Missionária e implantar um Grupo de Perseverança, caso não tenha.

FORMAÇÕES GERAIS DISPONÍVEIS
1.    Fundamentação Missionária: Esboço fundamentado no apelo urgente da Igreja para uma nova evangelização, despertar missionário e estado permanente de missão.
2.    Itinerário Missionário: Traz uma metodologia, um caminho que podemos percorrer para o planejamento da missão;
3.    Plano de Comunicação: Referencial teórico sobre a importância da Comunicação, trazendo também como podemos utilizar dela para a realização da missão;
4.    Plano de Pastoreio: Inspirado do tema deste ano, mostra ações concretas que desejamos implantar a partir das missões realizadas;
5.    Plano de Ação: Visão geral de todo o projeto, compreendendo as ações para sua execução – etapas a serem desenvolvidas antes, durante e após as missões. Inclui também as competências de cada instância da RCC;

FORMAÇÃO ESPECÍFICA PARA OS MISSIONÁRIOS
Deve contemplar os seguintes pontos:
•    O missionário e as práticas espirituais (fundamental para a missão);
•    Formação sobre Evangelização (anúncio querigmático);
•    Os personagens da Evangelização (evangelizador, Espírito Santo (protagonista) e o evangelizando);
•    Como evangelizar em diversos ambientes (casas, hospitais, escolas, etc);
•    Orientações sobre o serviço de visitação (Manual Missionário).

CONSIDERAÇÕES FINAIS
“A Igreja é chamada a repensar profundamente e a relançar com fidelidade e audácia sua missão nas novas circunstâncias latino-americanas e mundiais. Ela não pode fechar-se àqueles que trazem confusão, perigos e ameaças ou àqueles que pretendem cobrir a variedade e complexidade das situações com uma capa de ideologias gasta ou de agressões irresponsáveis. Trata-se de confirmar, renovar e revitalizar a novidade do Evangelho arraigada em nossa história, a partir de um encontro pessoal e comunitário com Jesus Cristo, que desperte discípulos e missionários. Isso não depende de grandes programas e estruturas, mas de homens e mulheres novos que encarnem essa tradição e novidade, como discípulos de Jesus Cristo e missionários de seu reino, protagonistas de uma vida nova para uma América Latina que deseja se reconhecer com a luz e a força do Espírito” (Documento de Aparecida, 11). Amém, aleluia!

Veja também

Semanas Missionárias
Reunião prepara Semanas Missionárias
Semanas Missionárias
Divulgação
Semanas Missionárias
Planos de Ação
Semanas Missionárias
Semanas Missionárias: formação é foco em preparativos
Semanas Missionárias
Formação